Yasmin Brunet conta o que faz para combater a ansiedade


© Instagram


A modelo Yasmin Brunet tirou um tempo para responder as perguntas dos fãs em seu Instagram e acabou admitindo que sofre de ansiedade. Ao questionarem se ela passava pelo problema ou por depressão, ela disse que sim e ressaltou que este parece ser o “mal do século”.





VOCÊ VIU? Em “Amor de Mãe”, Camila conhecerá sua mãe biológica

Aos 50, Alexandre Nero revela mudança de vida pelos filhos

CNN divulga programa de Monalisa Perrone e Daniela Lima

Mariana Weickert está grávida de um menino

“Quanto mais você conversa com as pessoas, você vê que a maioria das pessoas já teve. Eu tenho ansiedade, muita”, admitiu. Na sequência, contou como são os momentos de crise. “Eu acho engraçado que as pessoas que nunca tiveram contato com a ansiedade, acham que é ‘ficar nervosa para o dia de amanhã, porque amanhã vai encontrar alguém’. Não é isso. (…) Quem tem, sabe que quando está em momentos de crise é literalmente uma luta diária, porque é muito difícil. É horrível a sensação, você não consegue respirar. Eu poderia descrever de mil maneiras, mas é muito ruim, é debilitante. Não tem palavras”, revelou.

Yasmin explicou aos fãs o que faz para lidar com a ansiedade no dia a dia. “Não sei se estou falando besteira, mas uma vez que você tem, você tem e tem que ficar no controle. Como já tinha dito para vocês, eu faço terapia. Terapia salva vidas, é a coisa mais incrível do mundo, e aconselho que todo mundo faça”, disse.

A modelo também falou sobre a importância de uma alimentação saudável, já que há uma grande ligação entre o intestino e o cérebro. Outro ponto importante destacado pela loira são as atividades físicos. “Além de se rodear de pessoas que realmente te amam e você ama, e querem o seu bem e vão conversar com você e não vão te julgar independente do que você diga, é fazer exercício. Fazer cárdio é extremamente importante”, finalizou.