Youtuber diz que foi estuprada por ex-BBB em navio


© Instagram


Vitoria Castro usou seu canal no YouTube, na última quinta-feira (4), para revelar que foi estuprada por um ex-BBB em um cruzeiro. Contratada para viajar no navio, a blogueira afirmou que foi alojada em um quarto com dois rapazes.





VOCÊ VIU? Ex-“Pânico” ganha novo processo contra Netinho após agressão

Loreto e Débora Nascimento moram separados após reatarem casamento

Camiseta de Faustão vira meme; peça custa mais de R$2 mil

“BBB 19”: Leifert ‘chuta’ resultado do Paredão e é criticado na web

“Eu comecei a falar ‘para, para, deixa eu ir embora’. E ele falava ‘não’. E eu não conseguia sair porque ele estava me prendendo na cama. E eu ficava ‘para’. Ele estava me prendendo com a perna, jogando o peso dele para cima de mim. Depois eu me dei conta que eu estava sendo estuprada eu comecei a chorar e ele não parava, ele não me deixava sair, eu já tinha pedido para ele parar e ele só falava não. E parecia que, quanto mais eu fazia isso (tentava fugir), mais ele gostava”, relembrou.

Visivelmente abalada, a jovem, de 20 anos, explicou a razão pela qual decidiu denunciar o rapaz, mesmo se citar nomes. “Eu estou gravando esse vídeo porque não consegui denunciar e eu queria usar a influência que eu tenho para alertar algumas garotas e quem sabe conseguir justiça”, disse.

E não parou por aí: “Esse cara é um ex-BBB e ele não tem um histórico muito legal. Eu andei pesquisando sobre ele”.



Rafael Licks, da décima quinta edição do reality, estava no local na mesma data que a famosa. A morena, entretanto, fez questão de negar qualquer participação do modelo no caso. “Gente, o Rafa veio falar comigo. E não, não foi ele. Eu conheci ele no navio e ele é um cara sensacional. Ele não tem nada a ver com essa história. Só isso que eu gostaria de falar”, elogiou.