Aplicativo resolve problema de filas em brinquedos no Rock in Rio


© I Hate Flash


Maior queixa do público nas últimas duas edições do Rock in Rio, as enormes filas dos brinquedos disponíveis no festival praticamente desapareceram este ano. A organização do evento adotou um aplicativo para agendar a vaga do público nas atrações.

Para reservar um horário, é preciso baixar o app e encostar o celular nos totens localizados próximo aos brinquedos para efetuar a validação. A plataforma digital chamada Bloom só funciona em Iphone ou aparelhos com Android.

Caso o celular rode em outro sistema, a organização disponibiliza uma pulseira que substitui o aplicativo. Para conseguir uma, é necessário apresentar o número do CPF ou do passaporte, em caso de estrangeiros.

“O Bloom traz um conjunto de soluções integradas para atender aos desafios dos principais públicos envolvidos nos eventos ao vivo. A plataforma ajuda organizadores a serem mais inovadores e eficazes, marcas patrocinadoras a serem mais relevantes e usuários a aproveitarem mais as experiências”, afirmou a empresária e sócia do Bloom, Isabelle Perelmuter.

O Famosidades fez o teste no X-treme, novidade da edição 2015. O tempo de espera na fila do agendamento não passou de 25 minutos.

“É um novo jeito de se conectar para que você possa ter as vantagens do digital sem interromper a sua experiência ao vivo. É exatamente dentro desse conceito que estaremos no Rock in Rio. Com o sistema de agendamento dos brinquedos as pessoas poderão brincar e aproveitar cada segundo do festival”, contou Edson Pavoni, CEO do Bloom.

A desvantagem do aplicativo é que para desfrutar das atrações precisa “madrugar” no evento. Para se ter ideia, as vagas para tirolesa têm esgotado em menos de uma hora. Isso mesmo! Nos três primeiros dias, quem passou pelo posto de agendamento do brinquedo – que funciona até as 2h – após as 15h foi informado que não havia mais horários para o brinquedo.



Close sidebar