Autor de “Milla” detona Netinho e o chama de “bicha burra”


© Facebook

Autor da música “Milla”, Manno Góes utilizou o Facebook, na última quarta-feira (7), para sair em defesa de Daniela Mercury e atacar Netinho. Tudo porque o cantor criticou a colega de trabalho por sua música em protesto contra o presidente Jair Bolsonaro.

VOCÊ VIU? Marquezine deixa Sapucaí aos prantos após ver Neymar e Anitta juntos

Nicole Bahls e marido brigam feio em van de camarote, diz jornalista

Anitta leva Gabriel Medina para casa após Carnaval na Sapucaí

Carla Diaz confirma affair com sertanejo Fernando na Sapucaí

“Desculpa aí, galera, mas a Milla que eu compus é Daniela Mercury futebol clube, tá? A Milla da música é amor! É liberdade! É diversidade. Jamais seria tortura, homofobia, xenofobia, preconceito”, apontou em seu post.

E continuou: “A música ‘Milla’ tem que estar conectada ao lúdico, alegre, divertido, adolescente, amoroso. Jamais a essas pessoas horríveis que admiram Bolsonaro e criticam colegas de trabalho por pura maldade, inveja ou burrice”.

O escritor ainda lembrou o sucesso enorme que a composição fez na carreira de Netinho. “Milla é mais que uma música, é uma história. Que teve em Netinho, um homossexual não assumido-gente-boa, uma voz”, alfinetou.

“A Milla da música não tem nada a ver com o personagem constrangedor que Netinho virou. Que nunca mais vai gravar ‘Milla’, ou ‘Pra Te Ter Aqui’, ou qualquer coisa que eu compuser”, prometeu.

Para encerrar o desabafo, Manno ainda pediu para que o famoso não o chamasse mais de amigo. “Não sou seu amigo, não quero ser mais seu amigo. Você não merece Milla. Bicha burra.”