Dudu Nobre revolta público ao cantar samba polêmico no “Encontro”; entenda


© TV Globo


Dudu Nobre causou revolta nas redes sociais na última terça-feira (24). Tudo porque o sambista cantou “Mulata Assanhada” – uma música que pede a volta da escravidão – no “Encontro com Fátima Bernardes”, da TV Globo.





VOCÊ VIU? Acusado por ataques racistas a Ludmilla se defende: “Foi um grande mal entendido”

“Ai, meu Deus, que bom seria / Se voltasse a escravidão / Eu pegava essa mulata / Prendia no meu coração / E depois a pretoria / É quem resolvia a questão”, dizia um dos trechos da canção interpretada pelo artista ao vivo.

Os internautas não ficaram quietos e chamaram o cantor de “hipócrita” e “machista” por escolher a canção de Ataulfo Alves para a ocasião.

“‘Que bom seria se voltasse a escravidão’. O que Dudu Nobre tem na cabeça?”, questionou um usuário do Twitter.