Ex-integrante do BTOB é condenado a dois anos de prisão


© Instagram


Jung Ilhoon, ex-integrante do BTOB, recebeu a sentença de dois anos de prisão, nesta quinta-feira (10), na Coreia do Sul. O famoso foi condenado por uso indevido de maconha.

LEIA TAMBÉM: Polícia indicia mãe de Nego do Borel por agressão à enteada de 8 anos

Silas Malafaia revela real estado de saúde de R.R. Soares

Mentor diz que viúva provocava MC Kevin com outros homens

Segundo o site “Soompi”, o artista ainda recebeu uma multa de US$ 120 mil (mais de R$ 600 mil) em decorrência da utilização inapropriada do entorpecente.

A investigação do caso, inclusive, foi o motivo que levou o rapper a deixar o grupo de K-Pop no ano passado. De acordo com a polícia, o jovem adquiriu cerca de 826 gramas de maconha.

O relatório também informou que Ilhoon fez uso da erva entre julho de 2016 e janeiro de 2019.

Em seu depoimento, o famoso desabafou: “Eu refleti sobre minha vida até agora, enquanto passava por este incidente. Embora seja irrevogável, vou manter e lembrar a dor e a compreensão que ganhei com este incidente e viver sem me sentir envergonhado”.

Outras sete pessoas estiveram envolvidas no caso ao lado de Jung Ilhoon. Todas elas foram condenadas de 1 ano e meio a 2 anos de prisão.






Close sidebar