Laudo de óbito revela causa da morte de Chester Bennington


© Instagram


Emitida na última terça-feira (5), a certidão de óbito de Chester Bennington revelou que o cantor havia ingerido álcool antes de se suicidar. Além disso, os médicos descartaram a possibilidade de o músico ter feito uso de drogas no dia do acontecimento.





VOCÊ VIU? Day McCarthy foi presa por prostituição, segundo polícia

Nasce o nono neto de Silvio Santos em São Paulo

Anitta sobre casamento com Thiago Magalhães: “Estou feliz”

Após mais de 30 anos, Malu Mader pode perder vaga na Globo

Segundo o site “TMZ”, três testes toxicológicos foram feitos para chegar à conclusão: o primeiro deu positivo para ecstasy, e os outros dois, negativos.

Além disso, os profissionais encontraram restos de unhas do vocalista no Linkin Park em seu celular. A viúva do artista, Talinda Ann Bentley, contou à publicação que o marido retirava os pedaços quando estava nervoso.

Chester, para quem não sabe, morreu no dia 20 de julho, aos 41 anos, após se enforcar.