Mac Davis, compositor de Elvis Presley, morre aos 78 anos


© Getty Images


Mac Davis, estrela do country na mistura com o pop, morreu aos 78 anos em razão de complicações de uma cirurgia no coração, na noite de terça-feira (29), em um hospital de Nashvielle, nos Estados Unidos. Cantor e compositor, ele era parceiro de Elvis Presley, para quem escreveu alguns dos maiores sucessos dele, como “In the Ghetto” e “Don’t Cry Daddy”, além de ter feito músicas para artistas como Kenny Rogers e Bruno Mars, entre outros.





VOCÊ VIU? Rodrigo Simas se recupera da Covid e volta a gravar “Salve-se”

“Tardezinha”, de Thiaguinho, vira série no Globoplay

Anitta fala sobre governo Bolsonaro: “Eu nunca votaria nele”

Prestes a ter o 4º filho, Malvino Salvador fará vasectomia

Davis nasceu no Texas e começou a compor no final dos anos 60, após anos trabalhando nos departamentos de publicidade e vendas de gravadoras. Ele foi sucesso na voz de outros cantores, mas também teve uma carreira próspera, chegando ao primeiro lugar das paradas com “Baby Don’t Get Hooked on Me”. Davis também lançou “I Believe in Music”, um dos hinos do country-pop americano.

Sempre com muito prestígio, ele teve programas na TV americana como “The Mac Davis Show” e era figura constante no “The Tonight Show” e programas como “Os Muppets”, além de ter feito filmes como “North Dallas Forty”, com Nick Nolte.

Davis fazia parte do Nashville Songwriters Hall of Fame e tem uma estrela na famosa Calçada da Fama de Hollywood.