© Divulgação

Museu remove estátua de Michael Jackson após denúncias de abuso

O documentário “Leaving Neverland”, da HBO, sobre supostos abusos sexuais cometido por Michael Jackson contra crianças, continua dando o que falar. Desta vez, a repercussão do filme fez com que o Museu Nacional do Futebol, em Manchester, na Inglaterra, removesse uma estátua do famoso de seu catálogo.

VOCÊ VIU? Marquezine deixa Sapucaí aos prantos após ver Neymar e Anitta juntos

Nicole Bahls e marido brigam feio em van de camarote, diz jornalista

Anitta leva Gabriel Medina para casa após Carnaval na Sapucaí

Carla Diaz confirma affair com sertanejo Fernando na Sapucaí

De acordo com a “BBC”, tudo aconteceu após o surgimento de novas acusações contra o dono do hit “Bad”, além das retratadas no filme de quatro horas – que teve sua primeira parte exibida no Reino Unido na última quarta-feira (6).

“O Museu Nacional do Futebol fez uma série de mudanças em suas exposições e nos objetos expostos nos últimos meses. Como parte de nossos planos para representar melhor as histórias que queremos contar, tomamos a decisão de remover a estátua de Michael Jackson da exibição”, informou um porta-voz da instituição.

Vale ressaltar que Wade Robson e James Safechuck acusaram o cantor de abusar sexualmente de ambos por vários anos ao longo de suas infâncias. Já a família Jackson acredita que a HBO busca promover um verdadeiro “linchamento público” a Michael, que morreu em 2009.

  • © Instagram

    Michael Jackson é considerado um dos maiores cantores do mundo. Segundo a revista “Rolling Stone”, o astro faturou em vida cerca de US$ 7 bilhões, fazendo dele o artista mais rico de toda a história. Um ano após sua morte, ganhou cerca de US$ 1 bilhão

  • © Instagram

    Michael Jackson é considerado um dos maiores cantores do mundo. Segundo a revista “Rolling Stone”, o astro faturou em vida cerca de US$ 7 bilhões, fazendo dele o artista mais rico de toda a história. Um ano após sua morte, ganhou cerca de US$ 1 bilhão

  • © Divulgação

    Michael Jackson é considerado um dos maiores cantores do mundo. Segundo a revista “Rolling Stone”, o astro faturou em vida cerca de US$ 7 bilhões, fazendo dele o artista mais rico de toda a história. Um ano após sua morte, ganhou cerca de US$ 1 bilhão

  • © Instagram

    Michael Jackson é considerado um dos maiores cantores do mundo. Segundo a revista “Rolling Stone”, o astro faturou em vida cerca de US$ 7 bilhões, fazendo dele o artista mais rico de toda a história. Um ano após sua morte, ganhou cerca de US$ 1 bilhão

  • © Divulgação

    Michael Jackson é considerado um dos maiores cantores do mundo. Segundo a revista “Rolling Stone”, o astro faturou em vida cerca de US$ 7 bilhões, fazendo dele o artista mais rico de toda a história. Um ano após sua morte, ganhou cerca de US$ 1 bilhão

  • © Divulgação

    Michael Jackson é considerado um dos maiores cantores do mundo. Segundo a revista “Rolling Stone”, o astro faturou em vida cerca de US$ 7 bilhões, fazendo dele o artista mais rico de toda a história. Um ano após sua morte, ganhou cerca de US$ 1 bilhão





Notícias Relacionadas

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

PUBLICIDADE