Paula Fernandes se defende de polêmica: “Desnecessário”


  • © Instagram
  • © Divulgação
  • © Instagram
  • © Instagram
  • © Instagram
  • © Divulgação/Record
  • © Instagram
  • © TV Globo
  • © Instagram
  • © AgNews
  • © Instagram
  • © AgNews
  • © Instagram
  • © Divulgação
  • © Divulgação/ TV Globo
  • © AgNews
  • © AgNews
  • © AgNews
  • © AgNews
  • © AgNews
  • © AgNews
  • © AgNews
  • © AgNews
  • © AgNews


Paula Fernandes comentou, mais uma vez, a respeito de sua polêmica apresentação no show de Andrea Bocelli, realizado no dia 13 de outubro, em São Paulo. A cantora reiterou que não errou na execução da música “Vivo Por Ella” e que fez tudo o que foi combinado com a produção durante os ensaios.





VOCÊ VIU? Paula Fernandes se enrola em dueto com Andrea Bocelli

“Preciso esclarecer que fiz o que foi pedido pelo maestro Ruria Duprat. Ensaiei e passei o som para cantar as primeiras estrofes e assim o fiz depois de executar os dois primeiros musicais. Também fui orientada que a soprano entraria nas estrofes sequentes, o que infelizmente não aconteceu”, disse ao “Ego”.

E continuou: “Fui avisada de que ela (Maria Aleida) não cantaria minutos antes de entrar no palco. Me avisaram, mas não a Bocelli. O que causou esse desencontro musical. Me calei o restante por ser o acordado com o maestro e por se tratar de uma canção num tom para sopranos”.

A sertaneja ainda desabafou sobre as inúmeras críticas que recebeu nas redes sociais, avaliando como “desnecessário” o julgamento que recebeu. “Porque entre erros e acertos naturais de qualquer profissão, são 24 anos de carreira construída com muita seriedade, respeito, comprometimento e responsabilidade.”



“Se eu tivesse esquecido a letra, assumiria. Mas houve, sim, uma falha na comunicação da produção. Agradeço o carinho dos meus fãs que sempre estão me apoiando. Canto por vocês!”, encerrou.



Soprano na defesa

Atacada por fãs de Paula Fernandes, após ter sido apontada como culpada pela gafe da artista no palco com Andrea Bocelli, a soprano Maria Almeida decidiu desabafar na web. Segundo ela, a canção “Vivo Por Ella” nunca foi ensaiada para ser apresentada por um trio.

“Minha consciência está limpa, eu nunca abandonei o palco ou deixei de fazer o meu trabalho”, escreveu no Instagram. E acrescentou: “A única razão pela qual eu apareci no show em 12 de outubro com Anitta foi por um pedido do diretor duas horas antes do show começar. No entanto, para o dia seguinte, eu não deveria cantar novamente esta canção. Só é cantado por dois, é um dueto! Um dueto muito conhecido por sinal”.