Processado por facilitar estupro, Chris Brown se defende


© Divulgação


Chris Brown foi acusado de ter ajudado no estupro de uma mulher, durante festa em sua casa de Los Angeles, nos Estados Unidos. Após as alegações, o rapper publicou post nas redes sociais, nesta quinta-feira (10), em que afirma ser inocente.





VOCÊ VIU? Após denúncias, Giselle Itié volta a postar fotos nua; veja

Morre médium e apresentador Luiz Gasparetto, aos 68 anos

Isis Valverde é alvo de crítica: “Só assim para ter peito”

Ex-BBB Lucas detona página na web após notícia falsa

“Fique prontos para qualquer me%$* que joguem contra você. Quando você conhece a si mesmo e a sua energia, ninguém pode quebrar o seu espírito de ser boa pessoa! Entendam o que eu defendo e quem eu defendo”, escreveu o artista.

E não parou por aí: “Temam a mim sem medo o meu coração gentil. Não há muito restante, mas eu vou continuar a fazer mudanças positivas junto à liberdade. Nós acendemos fogo”.

Para quem não sabe, as acusações surgiram após um evento realizado na mansão do astro em 2017. A advogada da vítima foi à imprensa e afirmou que se trata de “um dos casos mais horríveis de agressão sexual”.



Vale destacar que o nome da moça que supostamente foi violentada tem siso preservado pela Justiça Americana.