Rock in Rio: The Script ganha público com rock, camisa da Seleção e palavras em português


© Marcio Cassol/ Famosidades


Os irlandeses do The Script não se intimidaram com a multidão no Palco Mundo, nesta sexta-feira (18), no primeiro dia do Rock in Rio 2015. Comandada pelo carismático vocalista Danny O’Donoghue, a banda estreou em shows no Brasil com uma performance simpática, repleta de boas baladas de rock e até palavras em português.

Depois de abrirem espetáculos de U2 e Paul McCartney mundo afora, os irlandeses tiraram de letra a missão desta sexta no Rio. O esforço de O’Donoghue de se comunicar com o público em português ajudou bastante na tarefa. Logo de cara, o vocalista se apresentou na língua dos anfitriões do festival: “Olá, Rock in Rio. Somos Script. Pula, pula, pula…”.

O Script abriu a apresentação com “Paint the Town Green” e ganhou dos fãs que conhecem seu repertório a visão de muitas bexigas verdes, em referência à música. Em seguida, mais esforço de falar português: “Vamos fazer barulho”.

Enquanto o guitarrista Mark Sheehan e o baterista Glen Power seguravam a onda no palco, O’Donoghue avisou que estava se sentindo distante do público e literalmente foi para a galera. Com uma câmera em mãos, e ajuda de alguns seguranças, cantou “You Won’t Feel a Thing” no meio da multidão.

Para ganhar de vez o carinho dos brasileiros, a banda fez uma pausa na apresentação e vestiu camisas da Seleção de futebol. Tudo para tirar uma foto com o público como pano de fundo.

Em seguida o trio focou mais na música, mesmo com alguns rompantes performáticos de O’Donoghue em direção das câmeras de TV e do público. Neste trecho do show, destaque para a agradável balada “No Good in Googbye”.

Com “Hall of Fame”, a banda inspirou a multidão diante do Palco Mundo a interagir com milhares de luzes de celular, num bonito efeito coletivo. Durante a mesma música, lá foi O’Donoghue de novo em direção da galera, desta vez segurando uma bandeira do Brasil.

Este foi o último show de uma longa excursão do The Script pelo mundo, que começou em maio de 2014. Além das músicas do último álbum, “No Sound Without Silence”, os irlandeses executaram nesta sexta faixas de “#3”, “Science & Faith” e “The Script”.



Close sidebar