Wyclef Jean é algemado após ser confundido com criminoso


© Instagram


Um dos nomes mais conhecidos da música mundial, Wyclef Jean passou por uma situação constrangedora nesta terça-feira (21), em Los Angeles, Estados Unidos. O cantor foi algemado por engano, sem direito a explicações.





VOCÊ VIU? Sedação diminui e Arlindo Cruz mostra sinais de consciência

Wanessa e Zezé Di Camargo encerram briga e gravam programa

Sabrina Sato rebate internauta que criticou sua pinta

Luana Piovani aplica botox: “Todo mundo precisa se ajeitar”

De acordo com o artista, que divulgou dois vídeos com o momento de sua prisão no Instagram, ele foi abordado por policiais e, antes de poder explicar quem era ou saber qual crime teria cometido, foi algemado.

“A polícia mandou eu colocar as mãos para o alto. Depois, para que eu não me mexesse. Fui algemado na mesma hora sem que me perguntassem meu nome ou falassem o motivo para a ação. Falei meu nome e que eles tinham a pessoa errada”, relatou.

E continuou: “Me trataram como criminoso. Tenho certeza que nenhum pai quer ver seu filho ou filha algemado, especialmente se for inocente. Como alguém que tem agentes da lei na família, estou horrorizado com o comportamento da polícia de Los Angeles”.



Nas imagens, é possível ver que o rapper também reclama que os agentes tiraram sua bandana com a bandeira do Haiti, seu país de origem. Ainda algemado, ele ainda avisou que está disposto a processar a polícia.