Anistia Internacional se manifesta contra cena de Romero em “A Regra do Jogo”: “Total repúdio”


© TV Globo


A Anistia Internacional – organização não-governamental que defende os direitos humanos – ficou indignada com uma cena de Romero Romulo (Alexandre Nero) no capítulo da última segunda-feira (21) de “A Regra do Jogo”.





Na sequência, o personagem se apresenta no presídio como um advogado da AI para conseguir entrar com uma bomba no local. Em nota publicada no Facebook, a organização fez uma carta de “total repúdio” contra a cena da trama das 21h da TV Globo.

“A representação equivocada do trabalho de defensores de direitos humanos na novela tem sido explorado de forma irresponsável e contribuindo para criminalizar o mesmo. A Anistia Internacional é uma organização respeitada, com 54 anos de história, que conta com mais de 7 milhões de apoiadores que se mobilizam em defesa dos direitos humanos para todos e todas. Vencedora do Prêmio Nobel da Paz (1977) e presente em mais de 150 países, tem 95% dos seus custos financiados por doações individuais, o que permite total independência de governos, partidos, interesses econômicos, políticos e religiosos”, escreveu na rede social.

A AI criticou novamente o uso de seu nome no folhetim: “Embora se trate de uma obra de ficção, a novela ‘A regra do jogo’, ao usar o nome da Anistia Internacional – uma organização referência e atuante no país, presta um desserviço à consolidação de uma cultura de direitos humanos na sociedade brasileira”.