Emília fica horrorizada ao reencontrar Justina em “Éramos Seis”


© Divulgação/TV Globo


A dificuldade para lidar com a própria filha fez com que Emília (Susana Vieira) mandasse Justina (Julia Stockler) para passar uma temporada em Itapetininga, ao lado de Olga (Maria Eduarda de Carvalho) e Zeca (Eduardo Sterblitch), em “Éramos Seis”. A menina tem um distúrbio mental não diagnosticado e a tia de Lola (Gloria Pires) sempre teve vergonha dela por causa disso.





VOCÊ VIU? Marina Ruy Barbosa influencia nomes de bebês nascidos no ano

Fora da prisão, Rennan da Penha terá papel em “Amor de Mãe”

Diretor vai homenagear Jorge Fernando em nova novela das 7

“Mestre do Sabor” pode ganhar nova temporada em 2020

No interior, Justina encontrou liberdade e acolhimento. Aos poucos, conquistou o coração de todos e chegou até a dizer que sua mãe, na verdade, era Olga.

Mas, em São Paulo, Emília tem ficado preocupada com a saúde da filha. Aflita e em meio a tantos conflitos com Adelaide (Joana de Verona), ela toma uma decisão: vai buscar Justina – e sem avisar ninguém.

A veterana chega em Itapetininga justamente quando os filhos de Olga e Zeca estão arrumando uma confusão danada dentro de casa. Dona Maria (Denise Weinberg) toma um grande susto ao abrir a porta e se deparar com Emília.



“Tia Emília!?”, diz Zeca, em pânico.



“Que surpresa! Assim, depois do anoitecer…”, comenta Olga.

“Eu vim porque minha filha precisa de cuidados que não deram a ela! Onde está Justina?”, pergunta Emília.

De repente, Justina aparece na sala toda suja de um líquido vermelho, que lembra sangue. Candoca (Camila Amado) vem atrás, bem aflita com a situação da menina.

Emília, claro, fica horrorizada com o que vê. “Justina, mas o que é isso? É sangue? Está toda ensanguentada, minha filha!”, dispara.