Marcos Caruso faz participação especial em “Éramos Seis”


© João Cotta/TV Globo


Marcos Caruso fará uma participação especial em “Éramos Seis”. O ator, de 68 anos de idade, atuou na versão de 1994 da novela, produzida pelo SBT. Caruso aparecerá no capítulo desta sexta-feira (6), como prefeito de Itapetininga e irá condecorar Zeca (Eduardo Sterblich) como herói de guerra pela Revolução de 1932. No jantar, ele ficará encantado com Olga (Maria Eduarda de Carvalho), esposa de Zeca, que fará de conta que é sofisticada.





VOCÊ VIU? Gretchen rebate o machismo: “Sou símbolo de independência”

Moacyr Franco deixa Raul Gil para trabalhar em série da Globo

Rosanne Mulholland e Marcos Veras anunciam primeira gravidez

Anitta é eleita uma das “mulheres mais poderosas do Brasil”

A participação de Marcos Caruso também se trata de uma homenagem, por ter sido Virgulino em 1994, papel interpretado por Kiko Mascarenhas nesta edição. “Éramos Seis foi uma novela caprichadíssima que fiz há mais de 20 anos. Uma boa história, um elenco primoroso… Quando me chamaram para estar participação, logo disse ‘tô dentro'”, disse o ator, segundo a “Quem”.

Outras homenagens já aconteceram anteriormente: Othon Bastos como Padre Venâncio e Luciana Braga como Zulmira. Na versão de 1994, Othon viveu Julio e Luciana interpretou Isabel, papéis de Antonio Calloni e Giullia Buscacio na atual edição.

A atual versão do folhetim é escrita por Angela Chaves, baseada na novela original escrita por Silvio de Abreu e Rubens Ewald Filho, e livremente inspirada no livro de Maria José Dupré.