Francisca Queiroz diz que vilã vai manipular o próprio filho


© Edu Moraes/ Record TV


Pronta para mais uma vilã na carreira, a atriz Francisca Queiroz será a manipuladora Semíramis em “Gênesis”, nova produção da Record TV, que estreia em 19 de janeiro. Entre os destaques da terceira fase da novela, a personagem terá uma relação possessiva e controladora com o filho Ninrode (Pablo Morais).





VOCÊ VIU? Duda Reis apaga as fotos com Nego do Borel do Instagram

Juliana Boller dará vida a Eva na novela “Gênesis”

Netflix divulga trailer da série “Cidade Invisível”

Petra descarta reatar relação com o pai Maurício Mattar

Crítica em relação às atitudes de Semíramis, a atriz contou que a personagem usará o próprio filho para alcançar os objetivos, inclusive para construir a Torre de Babel, monumento criado com a intenção de chegar até Deus.

No entanto, o plano vai gerar conflitos e o principal embate entre mãe e filho, segundo a atriz. “Ela não tem limites algum. É uma mulher capaz de usar o próprio filho para ter destaque e soberania naquela sociedade. Ela é cruel mesmo, capaz de matar e torturar por motivos banais”, ressaltou Francisca.

Mãe de três filhos na vida real, Francisca destacou que a história da personagem pode servir de alerta para pais controladores na atualidade.



“É um aviso para qualquer pai e mãe que tenta dominar a vida do filho, porque eles não são para atender aos pais. A nossa função é preparar para a vida”, comentou Francisca.



A novela “Gênesis” é escrita por Camilo Pellegrini, Raphaela Castro e Stephanie Ribeiro, com direção geral de Edgard Miranda. A trama será dividida em sete fases e possui mais de 250 atores no elenco.