“Tempo”: Lúcio mostra que tem sangue frio e ameaça Samuca e Marocas


© TV Globo


Lúcio (João Baldasserini) perdeu uma batalha, mas não acredita que perderá a guerra. Mesmo não tendo conseguido implodir o prédio da SamVita, o vilão ainda tem coragem de ameaçar Samuca (Nicolas Prattes) e Marocas (Juliana Paiva). Ele não tem limites!





VOCÊ VIU? Dennis Carvalho se emociona ao relembrar morte do filho com Torloni

Saiba por que participante foi expulso do “BBB” antes da estreia

David Brazil expõe namoro de Anitta com rapaz carioca

Faustão dá beijo na boca de Susana Vieira ao vivo no “Domingão”

Aos quarenta e cinco do segundo tempo, Vanda (Lucy Ramos) conseguiu a suspensão da autorização para a implosão da SamVita. O que deixou todos os envolvidos no abraçaço superfelizes e otimistas. Após o ocorrido, Samuca e Marocas decidem procurar Lúcio para tirar essa história da implosão a limpo.

Eles vão até o apartamento do Amadeu (Luiz Fernando Guimarães) e são recepcionados por Betina (Cleo), que faz cara de poucos amigos. Os dois pedem para falar com Lúcio. “Samuca, Marocas? Querem um café, uma água? Eu não esperava por vocês”, Betina é irônica.

“Sem papo furado, Betina. Cadê o Lúcio?”, Samuca vai direto ao ponto.



Lúcio aparece e, então, começa uma discussão entre os três:



“Eu só não botei aquele prédio abaixo porque a justiça impediu”, Lúcio revela.

“É mentira! O senhor ia implodir a Samvita mesmo contra a decisão da lei!”, Marocas joga na cara.

“E sem isolar a área, botando a vida de pessoas comuns em risco”, Samuel diz.

Mesmo depois dessas graves acusações, Lúcio mostra o quanto pode ser sangue frio e ameaça Samuel e a congelada. Ele parece ter ainda uma carta na manga…

“Samuel, Marocas… Não pensem que essa história acabou. Está longe disso”, afirma Lúcio.