Apresentador do “Cidade Alerta” do Ceará morre aos 45 anos


© Record


Morreu na madrugada desta terça-feira (7), aos 45 anos, Roberto César, apresentador do “Cidade Alerta” da TV Cidade, afiliada da Record no Ceará.

VOCÊ VIU? Morre Ventura Ramirez, ex-integrante dos Demônios da Garoa

Participe da campanha #CaleoAssédio

O jornalista foi vítima de um infarto fulminante, mas a emissora não deu mais detalhes a respeito do ocorrido. Em comunicado, o canal apenas lamentou o falecimento do profissional.

“O Grupo Cidade de Comunicação informa, com pesar, o falecimento do querido apresentador Roberto César, que, com seu brilhantismo e sua competência, esteve à frente do programa ‘Cidade Alerta’ Ceará desde o início da atração. A direção da TV Cidade Fortaleza lamenta o ocorrido e presta suas condolências aos familiares, amigos e admiradores de Roberto César, cuja irreverência e espontaneidade nas telinhas tanta falta farão. Que Deus conforte a família”, dizia nota.

A Rede Record também enviou à imprensa uma mensagem de pesar: “A Record lamenta a morte do apresentador Roberto César. Com 45 anos, e boa parte deles dedicados à televisão, Roberto consagrou seu nome no “Cidade Alerta Ceará”, exibido pela TV Cidade, filiada da Record no estado […] Externamos nossa solidariedade à família, aos amigos e fãs de Roberto César”

Ainda não há informações sobre velório e enterro de Roberto.

Apresentador desde 2013 do policialesco, César ainda atuou como repórter do programa “Cidade 190”.

O profissional ficou conhecido também por causar polêmica durante uma edição do telejornal de 2014, que mostrou uma cena estupro de uma criança de 9 anos. As imagens, em seguida, foram postadas no portal de notícias da emissora sem qualquer desfoque.

Após diversas reclamações, o Ministério Público Federal do Ceará pediu para que as cenas fossem retiradas do ar.



Close sidebar