Diego Grossi sobre agressão em reality: “Só quis dar susto”


© Instagram


Diego Grossi abriu o jogo a respeito do caso de agressão em que está envolvido, durante o “Programa do Porchat”, da Record, na última segunda-feira (21). O publicitário se defendeu das acusações de ataque contra Anderson Felício no “Power Couple: Brasil”.





VOCÊ VIU? Após denúncias, Giselle Itié volta a postar fotos nua; veja

Morre médium e apresentador Luiz Gasparetto, aos 68 anos

Isis Valverde é alvo de crítica: “Só assim para ter peito”

Ex-BBB Lucas detona página na web após notícia falsa

“Eu fui para cima depois que ele começou a me atiçar, mas não tive nenhuma intenção de bater, senão teria atingido ele de verdade. Só quis dar um susto”, disse o rapaz.

Contudo, atribuiu a culpa ao rival. Isso porque afirmou que se revoltou após o marido de Munik Nunes ter chamado de “baitola” um dos profissionais responsáveis por transportá-los no reality.

“Não teve brincadeira. As pessoas disseram isso porque ficaram com medo. Ele estava claramente alterado e eu estava defendendo o motorista”, explicou.



Diego e a esposa, Franciele Almeida, foram expulsos do “Power Couple: Brasil”.