Equipe do SBT é agredida ao tentar encontrar Grávida de Taubaté


© SBT


A equipe do “Vem Pra Cá”, do SBT, passou por um verdadeiro sufoco durante uma reportagem no interior de São Paulo, exibida na manhã desta terça-feira (6). Os profissionais foram agredidos ao tentarem fazer contato com Maria Verônica Aparecida César Santos, a famosa Grávida de Taubaté.

LEIA TAMBÉM: Saiba quem é quem no remake de “Pantanal”

A fila andou? Flordelis chama rapaz de “amor” em vídeo; veja

Confira o antes e depois do elenco de “Da Cor Do Pecado”

A intenção do matinal era promover uma espécie de reencontro entre a moça e Chris Flores, que foi a responsável por desmascará-la sobre a falsa gestação quando ainda trabalhava na Record.

Contudo, enquanto estavam parados em frente à casa de Maria Verônica, os funcionários do programa foram surpreendidos por agressões de um homem, apontado como possivelmente o marido dela, que chegava ao local.

“Fomos surpreendidos. O esposo dela partiu para cima da nossa equipe de reportagem”, contou a repórter.

E detalhou, enquanto imagens de um dedo sangrando ia ao ar: “Olha, estou nervosa porque – acredito que tenha sido o marido dela – ele chegou na hora, puxou a câmera e quase agrediu o nosso cinegrafista, nossa equipe de reportagem. Então nós saímos. Achamos melhor e mais seguro sair”.

No estúdio, ao lado de Patrícia Abravanel e Gabriel Cartolano, Chris avaliou a postura do parceiro da Grávida de Taubaté. “Talvez, para ela, já esteja superado, mas o marido pode não ter superado ainda. Devem perguntar como ele não descobriu que a gravidez era falsa, devem acusá-lo de ser cúmplice, deve ser difícil. A pessoa fica prisioneira da própria mentira”, opinou.

Já sobre a decisão de Maria Verônica de fingir uma gravidez, a jornalista ponderou: “Toda essa história deve ter causado um trauma muito grande neles. Por isso que acho que não teve uma má intenção, de prejudicar alguém. E acho que ela percebeu que só prejudicou a si mesma”.

A história da Grávida de Taubaté

Há dez anos, em 2011, Maria Verônica Aparecida César Santos virou alvo de chacotas e memes na web por ter fingido uma falsa gravidez de quadrigêmeos. Alegando uma situação financeira difícil, ela esteve no “Hoje em Dia”, da Record, e foi presenteada com doações diversas e presentes para os bebês.

Contudo, o tamanho e o formato da barriga chamaram atenção de Chris Flores, que desconfiou da veracidade da gestação. A apresentadora até tentou ver a barriga de Maria, que se recusou a mostrar. “Ela começou a me humilhar, falando que ia embora. Tanto que, no início do programa, eu não estou, mas depois eu falei: ‘Tá bom, vamos fazer uma boa ação, ela pode estar precisando’. Ela ganhou tudo para as quatro crianças que estavam na barriga dela e ela não queria devolver depois”, relembrou Flores em participação no “The Noite”, do SBT.

Com a certeza de que a história era mentirosa, Chris pediu ajuda de um repórter, que foi a Taubaté e confirmou que não havia gestação nenhuma. “Eu falei: ‘Vai para Taubaté e descubra, porque essa mulher não está grávida e eu quero desmascarar ela’. Dito e feito. No mesmo dia, ele foi ao médico e descobriu que aquela ultrassonografia não era dela, ela tinha roubado da internet”.

Em virtude da falsa gestação, a Grávida de Taubaté teve de devolver tudo o que ganhou e ainda foi processada pelo Ministério Público.



Close sidebar