Globo nega ter demitido apresentadora por engordar após gravidez


© Instagram


A Rede Vanguarda, afiliada da Globo, emitiu um comunicado, no último domingo (24), em que nega ter demitido Michelle Sampaio por engordar após a gravidez. Depois de a apresentadora ter usado as redes sociais para afirmar que foi desligada da emissora por estar acima do peso, o canal resolveu se manifestar sobre a acusação.





VOCÊ VIU? Letícia Spiller posta foto rara do namorado 16 anos mais jovem

Atriz espancada pelo ex-marido é obrigada a deixar casa em que vive

Letícia Lima fala pela 1ª vez sobre término com Ana Carolina

Luciana Gimenez comenta fama de interesseira: “Nunca vivi de pensão”

“A TV Globo e a TV Vanguarda informam que não é verdade que a razão para o fim do contrato mencionado seja a que foi publicada na reportagem ‘Apresentadora da Globo é demitida por ficar gorda depois de gravidez’. Tal conduta é incompatível com a política de respeito absoluto a seus profissionais adotada pela TV Globo e pela TV Vanguarda”, declarou ao “Notícias da TV”.



Antes de seu desligamento, a morena havia sido transferida de função. Passou de âncora de um telejornal, para um trabalho nos bastidores.

Nas redes sociais, a moça fez questão de dar a sua versão dos fatos. “Como muitos sabem e me acompanham, há dois anos entrei numa briga com a balança depois de ter engordado muito na gravidez. Por estar acima do peso, fiquei um bom tempo trabalhando nos bastidores, cheguei a emagrecer um pouco, voltar para a reportagem e apresentação do jornal, mas saí do ‘vídeo’ novamente porque nunca de fato voltei ao peso antes da gravidez, que foi o pedido da emissora”, afirmou.