Globo proíbe jornalistas de conversar no whatsapp sobre preferências políticas


© TV Globo


A Globo proibiu os jornalistas de manifestarem suas opiniões, curtirem páginas nas redes sociais e até mesmo e conversarem no whatsapp sobre preferências por políticos ou por clubes de futebol.





VOCÊ VIU? Após denúncias, Giselle Itié volta a postar fotos nua; veja

Morre médium e apresentador Luiz Gasparetto, aos 68 anos

Isis Valverde é alvo de crítica: “Só assim para ter peito”

Ex-BBB Lucas detona página na web após notícia falsa

“É natural que as diretrizes da empresa sejam atualizadas com diretrizes mais detalhadas sobre o uso de redes sociais, na linha do que já fizeram veículos de prestígio como The New York Times e BBC. Essas diretrizes visam a evitar tudo o que comprometa a imagem de isenção dos veículos do Grupo Globo”, disse o departamento de Comunicação em nota ao colunista Daniel Castro.

Essas novas regras fazem parte de uma nova edição dos Princípios Editoriais do grupo.

Os chefes da área já se reuniram com suas equipes para informar as novidades. “Mesmo quando você escreve reservadamente para alguém, não deve emitir opinião porque, se isso vazar, vai se encaixar nas normas de comportamento em redes sociais”, disse um chefe de São Paulo.



Vale destacar que a Globo tomou uma atitude tão rígida por se tratar de um ano de eleições e também de Copa do Mundo.