Globo tenta antecipar estreia de Luciano Huck aos domingos


© Divulgação/TV Globo


A TV Globo está a todo o vapor trabalhando nos detalhes do novo programa de Luciano Huck aos domingos. Anteriormente marcada para estrear em 2022, tudo indica que a atração acabará indo ao ar ainda este ano.

LEIA TAMBÉM: Rhyca Vírus? Veja como as celebridades eram antes da fama

Veja fotos do triplex de Zezé Di Camargo e Graciele Lacerda

Cristiano Ronaldo aluga mansão de R$ 72 mil por dia; veja!

Isso porque, de acordo com a colunista Patrícia Kogut, existe uma pressão por parte dos patrocinadores para que o projeto estreie antes do fim de 2021, já que não querem esperar até o próximo ano para ter o apresentador na faixa horária.

Além dos detalhes em torno da produção, a questão do nome ainda não foi definida pelo canal. Enquanto a palavra “Domingão” é considerada forte, a possibilidade de se levar para os domingos o nome “Caldeirão do Huck”, também já conhecido do público, não foi descartada.

Luciano Huck ocupará o espaço deixado por Fausto Silva na programação do canal carioca. O veterano, por sua vez, acertou com a Band, onde também pode ter sua estreia adiantada para ainda este ano.

  • © Instagram

    Aos 22 anos, Luciano Huck se tornou locutor de um programa na rádio 89 FM. No ano seguinte, estreou na TV, na atração de Otávio Mesquita, na CNT Gazeta. Em 1996, se tornou apresentador do programa “H”, na Rede Bandeirantes. Em 2000, foi para a Globo, onde permanece até hoje

  • © Instagram

    Aos 22 anos, Luciano Huck se tornou locutor de um programa na rádio 89 FM. No ano seguinte, estreou na TV, na atração de Otávio Mesquita, na CNT Gazeta. Em 1996, se tornou apresentador do programa “H”, na Rede Bandeirantes. Em 2000, foi para a Globo, onde permanece até hoje

  • © Instagram

    Aos 22 anos, Luciano Huck se tornou locutor de um programa na rádio 89 FM. No ano seguinte, estreou na TV, na atração de Otávio Mesquita, na CNT Gazeta. Em 1996, se tornou apresentador do programa “H”, na Rede Bandeirantes. Em 2000, foi para a Globo, onde permanece até hoje

  • © Instagram

    Aos 22 anos, Luciano Huck se tornou locutor de um programa na rádio 89 FM. No ano seguinte, estreou na TV, na atração de Otávio Mesquita, na CNT Gazeta. Em 1996, se tornou apresentador do programa “H”, na Rede Bandeirantes. Em 2000, foi para a Globo, onde permanece até hoje

  • © Instagram

    Aos 22 anos, Luciano Huck se tornou locutor de um programa na rádio 89 FM. No ano seguinte, estreou na TV, na atração de Otávio Mesquita, na CNT Gazeta. Em 1996, se tornou apresentador do programa “H”, na Rede Bandeirantes. Em 2000, foi para a Globo, onde permanece até hoje

  • © Instagram

    Aos 22 anos, Luciano Huck se tornou locutor de um programa na rádio 89 FM. No ano seguinte, estreou na TV, na atração de Otávio Mesquita, na CNT Gazeta. Em 1996, se tornou apresentador do programa “H”, na Rede Bandeirantes. Em 2000, foi para a Globo, onde permanece até hoje

  • © Instagram

    Aos 22 anos, Luciano Huck se tornou locutor de um programa na rádio 89 FM. No ano seguinte, estreou na TV, na atração de Otávio Mesquita, na CNT Gazeta. Em 1996, se tornou apresentador do programa “H”, na Rede Bandeirantes. Em 2000, foi para a Globo, onde permanece até hoje

  • © Instagram

    Aos 22 anos, Luciano Huck se tornou locutor de um programa na rádio 89 FM. No ano seguinte, estreou na TV, na atração de Otávio Mesquita, na CNT Gazeta. Em 1996, se tornou apresentador do programa “H”, na Rede Bandeirantes. Em 2000, foi para a Globo, onde permanece até hoje

  • Aos 22 anos, Luciano Huck se tornou locutor de um programa na rádio 89 FM. No ano seguinte, estreou na TV, na atração de Otávio Mesquita, na CNT Gazeta. Em 1996, se tornou apresentador do programa “H”, na Rede Bandeirantes. Em 2000, foi para a Globo, onde permanece até hoje

  • Aos 22 anos, Luciano Huck se tornou locutor de um programa na rádio 89 FM. No ano seguinte, estreou na TV, na atração de Otávio Mesquita, na CNT Gazeta. Em 1996, se tornou apresentador do programa “H”, na Rede Bandeirantes. Em 2000, foi para a Globo, onde permanece até hoje



Close sidebar