Leonardo bate favoritismo de Bruna e vence “MasterChef 3”


  • © Band
  • © Band
  • © Band
  • © Ban
  • © Band
  • © Band
  • © Band
  • © Band
  • © Band
  • © Band
  • © Band
  • © Divulgação/Band
  • © Divulgação/Band
  • © Band
  • © Band
  • © Band
  • © band
  • © Band
  • © Band
  • © Band
  • © Band
  • © Band
  • © Carlos Reinis/Band
  • © Montagem Famosidades - Band
  • © Instagram
  • © Band
  • © Band
  • © Band
  • © Band
  • © TV Globo
  • © Band
  • © Band
  • © Band
  • © Twitter
  • © Twitter
  • © Twitter
  • © Twitter
  • © Twitter
  • © Twitter
  • © Twitter
  • © Twitter
  • © Twitter
  • © Twitter
  • © Twitter
  • © Twitter
  • © Twitter
  • © Twitter


Leonardo Young bateu o favoritismo de Bruna Chave e se tornou o primeiro homem a vencer o “MasterChef Brasil”, da Band, na madrugada desta quarta-feira (24). O empresário ganhou o troféu das mãos dos jurados Henrique Fogaça, Paola Carosella e Erick Jacquin, além do prêmio de R$ 150 mil, R$ 1 mil por mês durante um ano em compras no supermercado que patrocina o programa, um carro 0km e um curso de culinária na escola “Le Cordon Bleu” em Paris.

VOCÊ VIU? Jurados podem deixar o “MasterChef Brasil”

Rejeitado por mais da metade dos participantes, o bonitão reconheceu que sua trajetória no reality não foi nada fácil. Os colegas, inclusive, torceram muito contra o rapaz na final e gritaram o nome de Bruna o tempo inteiro no mezanino.

“Foi difícil. Teve horas que precisei provar para mim mesmo que era capaz. Não me arrependo de nada. Saio daqui um homem muito melhor. Não só pelo título, mas porque foi uma experiência maravilhosa”, disse bastante emocionado a Ana Paula Padrão após o resultado.

Antes do início da final, o cozinheiro contou o que pretendia fazer após o programa: “Estou focado em novos projetos e pronto para abrir meu novo restaurante”.

Os jurados fizeram questão de elogiar os finalistas e afirmaram que a dupla apresentou o melhor menu degustação da história da atração. “Vocês nos ofereceram um jantar incrível de altíssima qualidade e mostraram que gastronomia é a cultura de um país que tem raízes e influências fortíssimas”, afirmou Paola.

Lobo Solitário X Rainha da Confeitaria

Léo e Bruna impressionaram os jurados com seus cardápios. O vencedor apresentou como entrada carpaccio de vieira com rabanete, broto de rúcula e vinagrete de cebolinha. “Lindo prato, lindo conceito, saboroso, mas não tem acidez nenhuma. Faltou uma gota de limão para ser perfeito”, lembrou a argentina.

O moreno foi bem mais feliz ao servir barriga de porco ao molho missô com cenoura glaceada e cebola grelhada como prato principal. “Ponto da barriga está muito bom. Realmente um prato autoral com a sua cara”, afirmou Fogaça.

A sobremesa de ovos nevados com creme inglês de matchá, contudo, deixou a desejar. “Não está à altura do trabalho anterior. Poderia ser mais delicada. É muito doce e o chá verde muito forte”, criticou Jacquin.

Por sua vez, Bruna também foi muito elogiada pelo menu que montou. O trio ficou surpreso com as vieiras seladas na maionese cítrica com gema confitada, chips de batata e ovas de salmão como entrada. “Grande prato, apresentação de restaurante chique. Faltou uma gota de acidez. Falta contraste”, pontuou Paolla.

A mineira agradou ainda mais ao servir seu carré de cordeiro com musgo de ervilha, purê de ervilha com hortelã em picles de maçã verde como prato principal. “Belo trabalho. Ponto perfeito. Purê bem temperado. Acidez da maçã é muito agradável”, elogiou Jacquin.

Rainha da sobremesa, a cozinheira errou, mais uma vez, na seara onde tem total domínio e seu excesso de confiança e ousadia a fizeram perder o prêmio. Os jurados, pelo visto, não curtiram a torta gelada de beterraba com espuma, picles e compota de beterraba. “Muitos elementos no prato. A ideia é boa. O prato é sua cara, mas os sabores não conciliam”, reclamou Fogaça.

Atração bateu marca de 1 milhão de menções no Twitter

Pelo segundo ano consecutivo, a final do “MasterChef Brasil” bateu a marca de 1 milhão de menções no Twitter e se tornou o assunto mais comentando no microblog no mundo.

Assim como na segunda edição, a direção anunciou o resultado pelo Twitter. Desta vez com uma novidade! “Esse ano a gente evoluiu, resolvemos trazer o Twitter para dentro do programa”, avisou Ana Paula.

Em seguida, o cenário da atração se transformou em uma página da rede social e um dos patrocinadores do programa digitou na tela o nome do vencedor.



Close sidebar