Lutadora de UFC pede privacidade após ser agredida pelo ex


© Instagram


Na última quarta-feira (23), Andrea Lee usou as redes sociais para desabafar a respeito do caso de violência doméstica que sofreu nas mãos de Donny Aaron. A lutadora do UFC pediu privacidade aos admiradores enquanto enfrenta o processo contra o ex-marido.

“É uma questão muito sensível e quando você é uma figura pública, você não gostaria que isso estivesse sendo assunto de uma forma pública. Eu peço respeitosamente que todos respeitem nossa privacidade enquanto estamos buscando uma solução e o caso se encerre”, declarou em carta aberta no Twitter.

A esportista ainda afirmou que está ansiosa para voltar ao ringue em breve: “Competir tem sempre sido um santuário para mim e traz coisas maravilhosas para minha vida”.

Para quem não sabe, no início do mês, Donny foi denunciado pela mulher por agredi-la. Após o episódio, Lee abriu um processo contra o técnico de MMA, que fugiu.



Close sidebar