Sonia Abrão critica direção da “Fazenda” por esconder morte de Gugu


© Reprodução/Instagram


Sonia Abrão não gostou nem um pouco do fato de a direção de “A Fazenda”, da Record, ter optado por manter os peões alheios à notícia da morte de Gugu Liberato. Para a apresentadora, o canal deveria ter dado aos confinados a chance de homenagear o loiro dentro do reality show.





VOCÊ VIU? Saiba por que Silvio Santos vetou cobertura da morte de Gugu

MP recebe novas denúncias sobre concurso infantil do SBT

Murilo Benício revela ser contra núcleo cômico em novela

“Amor de Mãe”: conheça o novo amor de Thelma

“Deveria, sim, ser falado para todos eles, para que eles pudessem prestar sua homenagem, se despedir no ar, pois tem gente lá dentro, como o Viny [mais recente eliminado da atração e que ficou famoso, dentre outras coisas, por suas imitações de Gugu] e o Rodrigo Phavanello [que teve a ajuda de Gugu no início da carreira], diretamente ligadas a Gugu, para que eles tivessem essa possibilidade”, avaliou durante o “A Tarde é Sua”, da RedeTV!.

E continuou: “Eu sou a favor da verdade sempre. Não ia interferir no jogo porque o baque seria para todo mundo lá dentro, ficam todos em igual condição psicológica. Faz parte da vida, de um reality, enfrentar esse tipo de situação. Teria que ter sido avisado, sim”.

A jornalista também destacou que a informação aos participantes evitaria, por exemplo, que Viny imitasse o loiro no ar, sem fazer ideia do que havia ocorrido. “Quem teve de segurar a onda foi o Marcos Mion, pois o Viny, sem saber, e isso doeu em todos nós que estávamos assistindo, fez imitação do Gugu. Foi uma coisa constrangedora, que doeu, pois ele estava vivendo uma momento de omissão da direção, vivendo uma mentira, achando que estava tudo bem aqui fora.”



O eliminado, vale destacar, foi comunicado sobre o falecimento do apresentador por uma psicóloga da Record.