Tiago Leifert responde críticas: “Não sou Juiz do Mundo”


© Divulgação/TV Globo


Tiago Leifert tem sido muito criticado pela maneira que vem conduzindo e se posicionando no “Big Brother Brasil 20”. Muitas pessoas, inclusive algumas atrizes, como Bruna Marquezine, acreditam que o apresentador está passando a mão na cabeça e diminuindo a importância dos erros cometidos pelos Brothers dentro da casa mais vigiada do país. Por esta razão, ele escreveu um textão em sua rede social nesta quarta-feira (12) e falou o que pensa sobre o assunto.





VOCÊ VIU? Globo nega boatos e chama Marina Ruy Barbosa de estrela

Álvaro mandará Belizário matar Betina em “Amor de Mãe”

Claudia Leitte é convidada para viver vilã nos cinemas

Taís Araújo comemora cabelo natural e recebe elogios dos fãs

“Vamos combinar uma coisa: espancar, chutar uma pessoa caída é um ato errado e covarde no mundo real e no virtual. Quando pessoas erram, eu acredito no diálogo, arrependimento, perdão. Em casos mais graves, na Justiça. Isso não é ser condescendente, isso é tomar o caminho mais difícil (e hoje em dia super solitário): o certo. Não acredito que destruir a vida de uma pessoa com linchamento virtual resolva o problema original. Pelo contrário! Ao tentar resolver o problema espancando, você acaba criando outro, gerando ainda mais ódio e violência, ferindo, e provavelmente tirando o foco da solução. Linchamento virtual é tão errado quanto qualquer outra coisa, não faz de você uma pessoa melhor e não conserta o mundo”, publicou.

Tiago ainda fez algumas comparações sobre atos generosos de um lado, e ao mesmo tempo, outros que podem prejudicar uma outra pessoa. “Não adianta nada ficar de biquinho quando te atacam na internet e depois atacar os outros com seus milhões de seguidores quando você discorda de alguma coisa. Não adianta nada salvar cachorros e gatos se para isso você destrói reputações e vidas humanas. Não adianta nada ficar falando de ‘empatia’ a cada 3 posts se você não a pratica quando ela é mais necessária, porque ter empatia com quem a gente gosta é mole! Difícil é ter com quem tá errado. Eu jamais vou linchar uma pessoa e não sou Juiz do Mundo, não esperem isso de mim”, escreveu ele.

  • Tiago Leifert © Instagram

    Tiago Leifert iniciou sua carreira no esporte aos 16 anos, no “Desafio ao Galo” – programa dedicado ao futebol de várzea. Em 2009, se tornou editor-chefe e apresentador do “Globo Esporte”. A partir de 2010, passou a comandar o “Central da Copa”. Já em 2017 se tornou o âncora do “Big Brother Brasil”, depois da saída de Pedro Bial da atração

  • Tiago Leifert © Instagram

    Tiago Leifert iniciou sua carreira no esporte aos 16 anos, no “Desafio ao Galo” – programa dedicado ao futebol de várzea. Em 2009, se tornou editor-chefe e apresentador do “Globo Esporte”. A partir de 2010, passou a comandar o “Central da Copa”. Já em 2017 se tornou o âncora do “Big Brother Brasil”, depois da saída de Pedro Bial da atração

  • Tiago Leifert © Instagram

    Tiago Leifert iniciou sua carreira no esporte aos 16 anos, no “Desafio ao Galo” – programa dedicado ao futebol de várzea. Em 2009, se tornou editor-chefe e apresentador do “Globo Esporte”. A partir de 2010, passou a comandar o “Central da Copa”. Já em 2017 se tornou o âncora do “Big Brother Brasil”, depois da saída de Pedro Bial da atração

  • Tiago Leifert © Instagram

    Tiago Leifert iniciou sua carreira no esporte aos 16 anos, no “Desafio ao Galo” – programa dedicado ao futebol de várzea. Em 2009, se tornou editor-chefe e apresentador do “Globo Esporte”. A partir de 2010, passou a comandar o “Central da Copa”. Já em 2017 se tornou o âncora do “Big Brother Brasil”, depois da saída de Pedro Bial da atração

  • Tiago Leifert © Instagram

    Tiago Leifert iniciou sua carreira no esporte aos 16 anos, no “Desafio ao Galo” – programa dedicado ao futebol de várzea. Em 2009, se tornou editor-chefe e apresentador do “Globo Esporte”. A partir de 2010, passou a comandar o “Central da Copa”. Já em 2017 se tornou o âncora do “Big Brother Brasil”, depois da saída de Pedro Bial da atração

  • Tiago Leifert © Instagram

    Tiago Leifert iniciou sua carreira no esporte aos 16 anos, no “Desafio ao Galo” – programa dedicado ao futebol de várzea. Em 2009, se tornou editor-chefe e apresentador do “Globo Esporte”. A partir de 2010, passou a comandar o “Central da Copa”. Já em 2017 se tornou o âncora do “Big Brother Brasil”, depois da saída de Pedro Bial da atração

  • Tiago Leifert © Instagram

    Tiago Leifert iniciou sua carreira no esporte aos 16 anos, no “Desafio ao Galo” – programa dedicado ao futebol de várzea. Em 2009, se tornou editor-chefe e apresentador do “Globo Esporte”. A partir de 2010, passou a comandar o “Central da Copa”. Já em 2017 se tornou o âncora do “Big Brother Brasil”, depois da saída de Pedro Bial da atração

  • Tiago Leifert © Instagram

    Tiago Leifert iniciou sua carreira no esporte aos 16 anos, no “Desafio ao Galo” – programa dedicado ao futebol de várzea. Em 2009, se tornou editor-chefe e apresentador do “Globo Esporte”. A partir de 2010, passou a comandar o “Central da Copa”. Já em 2017 se tornou o âncora do “Big Brother Brasil”, depois da saída de Pedro Bial da atração

  • Tiago Leifert © Instagram

    Tiago Leifert iniciou sua carreira no esporte aos 16 anos, no “Desafio ao Galo” – programa dedicado ao futebol de várzea. Em 2009, se tornou editor-chefe e apresentador do “Globo Esporte”. A partir de 2010, passou a comandar o “Central da Copa”. Já em 2017 se tornou o âncora do “Big Brother Brasil”, depois da saída de Pedro Bial da atração