Veja antes e depois do elenco de “Da Cor Do Pecado”


  • © TV Globo

    No ar no Viva, “Da Cor do Pecado” estreou na telinha pela primeira vez em 2004, na TV Globo. Protagonizada por Taís Araújo e Reynaldo Gianecchini, a trama fez grande sucesso entre o público.

    Agora, após quase duas décadas, como será que está o elenco do folhetim? Confira o antes e depois nas páginas a seguir!

  • © TV Globo

    Preta de Souza (Taís Araújo) é uma jovem maranhense, de bom caráter, bem humorada e romântica. Criada pela mãe, dona Lita (Solange Couto), nunca conheceu o pai. Ela se apaixona por Paco (Reynaldo Gianecchini), mas sofre com as armações de Bárbara (Giovanna Antonelli)

  • © Instagram

    Taís Araújo atualmente, 17 anos depois

  • © TV Globo

    Paco Lambertini (Reynaldo Gianecchini) foi criado como filho único do milionário Afonso Lambertini (Lima Duarte). Para ele, sua mãe morreu quando ele tinha 5 anos. Só que, na verdade, ele é filho de Afonso e Edilásia (Rosi Campos), antiga empregada da família. Se apaixona por Preta (Taís Araújo), com quem tem um filho, Raí (Sérgio Malheiros)

  • © TV Globo

    Apolo Sardinha (também vivido por Reynaldo Gianecchini) é filho primogênito e preferido de Edilásia (Rosi Campos). É um jovem bonito, inteligente e sedutor, que gosta de esportes e de lutas. No início da novela, tem um romance com Tina (Karina Bacchi), que o troca pelo irmão Thor (Cauã Reymond). Durante um trabalho em um barco, Apolo desaparece no mar

  • © Instagram

    Reynaldo Gianecchini atualmente, 17 anos depois

  • © TV Globo

    Raí de Souza (Sérgio Malheiros) é filho de Preta (Taís Araújo) e Paco (Reynaldo Gianecchini). Raí é um menino carismático, alegre, atrevido e de forte personalidade. Sofre ao ser renegado pelo avô, Afonso (Lima Duarte), mas os dois logo se tornam grandes amigos

  • © Instagram

    Raí de Souza atualmente, 17 anos depois

  • © TV Globo

    Bárbara Campos Sodré (Giovanna Antonelli) é uma vilã linda, inteligente, dissimulada e capaz de realizar qualquer plano para atingir seus objetivos. É a ‘pedra’ no sapato de Preta e Paco e faz de tudo para destruir a rival

  • © Instagram

    Giovanna Antonelli atualmente, 17 anos depois

  • © TV Globo

    Otávio Lambertini (Felipe Latgé) é filho de Bárbara (Giovanna Antonelli) e Kaíke (Tuca Andrada), mas criado como se fosse filho de Paco (Reynaldo Gianecchini). O garoto nunca recebeu um verdadeiro amor de mãe. Sem paciência com a criança, Bárbara o criou problemático, triste, solitário e mimado

  • © Facebook

    Felipe Latgé atualmente, 17 anos depois

  • © TV Globo

    Afonso Lambertini (Lima Duarte) é pai de Paco (Reynaldo Gianecchini) e Apolo (também interpretado por Reynaldo Gianecchini), filhos que teve com Edilásia (Rosi Campos), antiga empregada da família. Com a suposta morte de Paco, perde a vontade de viver, isolando-se em sua mansão. Porém, sua vida muda completamente quando conhece Raí (Sérgio Malheiros), seu único e verdadeiro neto, já que Otávio é filho de Bárbara e Kaíke (Tuca Andrada)

  • © Instagram

    Lima Duarte atualmente, 17 anos depois

  • © TV Globo

    Germana (Aracy Balabanian) é governanta dos Lambertini. Foi quem criou Paco (Reynaldo Gianecchini) depois que a esposa de Afonso (Lima Duarte) morreu. É uma das poucas pessoas a desconfiar das intenções de Bárbara (Giovanna Antonelli) e da verdadeira identidade do pai de Otávio (Felipe Latgé)

  • © Divulgação/TV Globo

    Aracy Balabanian atualmente, 17 anos depois

  • © TV Globo

    Edilásia Sardinha (Rosi Campos) é a matriarca de uma família de lutadores no Rio de Janeiro. Com a morte de seu marido, Napoleão Sardinha (Jamil Hamdan), um mitológico mestre de artes marciais, resolve continuar a tradição familiar com os cinco filhos, Apolo (Reynaldo Gianecchini), Ulisses (Leonardo Brício), Thor (Cauã Reymond), Dionísio (Pedro Neschling) e Abelardo (Caio Blat). Ela ainda mantém em segredo que é mãe de Paco (Reynaldo Gianecchini), irmão gêmeo de Apolo, fruto de um caso que teve com Afonso (Lima Duarte), de quem era empregada

  • © Instagram

    Rosi Campos atualmente, 17 anos depois

  • © TV Globo

    Thor Sardinha (Cauã Reymond) é o campeão da família Sardinha, o mais forte de todos. Namora a bela Tina (Karina Bacchi), que trocou Apolo (Reynaldo Gianecchini) por ele depois que Thor venceu o irmão em uma competição. Apesar de ter imensa moral nas ruas, onde é temido e odiado, não tem nenhuma moral dentro de casa, onde a mamãe Sardinha não economiza nas broncas e o põe de castigo

  • © Instagram

    Cauã Reymond atualmente, 17 anos depois

  • © TV Globo

    Ulisses Sardinha (Leonardo Brício) é o segundo filho de Edilásia (Rosi Campos) e Napoleão Sardinha (Jamil Hamdan). Apesar dos músculos e da aparência, é boa praça, amoroso e de excelente caráter. É muito apegado à família, em especial ao seu irmão Apolo (Reynaldo Gianecchini)

  • © Instagram

    Leonardo Brício atualmente, 17 anos depois

  • © TV Globo

    Dionísio Sardinha (Pedro Neschling) é o quarto irmão Sardinha e a ‘cara-metade’ de Thor (Cauã Reymond). Forma com o irmão uma dupla inseparável nos tatames e nas noitadas. Consegue ser ainda mais inculto que o irmão, de quem copia as asneiras

  • © Instagram

    Pedro Neschling atualmente, 17 anos depois

  • © TV Globo

    Abelardo Sardinha (Caio Blat) é o caçula de Edilásia (Rosi Campos) e Napoleão Sardinha (Jamil Hamdan) e sempre foi o mais delicado entre os irmãos brutamontes. Seu sonho é tornar-se maquiador, mesmo sabendo que não terá o apoio da família

  • © Instagram

    Caio Blat atualmente, 17 anos depois

  • © TV Globo

    Tina Fuchs (Karina Bacchi) é a musa da praia e dos tatames. Disputada como um troféu pelos adeptos das lutas marciais. Sempre cumpre a sua promessa de só namorar vencedor. Por isso, troca Apolo (Reynaldo Gianecchini) por Thor (Cauã Reymond). Dionísio (Pedro Neschling) é apaixonado por Tina e tem esperança de vir a conquistá-la se vencer Thor em uma luta

  • © Instagram

    Karina Bacchi atualmente, 17 anos depois

  • © TV Globo

    Helinho (Matheus Nachtergaele) é uma figura hilária, conhecida nas ruas de São Luís, no Maranhão. Para sobreviver, trabalha como um falso vidente, médium e cartomante. Enrola seus clientes, mente que incorpora espíritos de parentes mortos, que lê a sorte nas cartas e que é capaz de prever o futuro

  • © Instagram

    Matheus Nachtergaele atualmente, 17 anos depois

  • © TV Globo

    Cezinha (Arlindo Lopes) é ajudante de Helinho (Matheus Nachtergaele) e cúmplice nas armações do falso vidente. Auxilia o falso vidente distribuindo cartões na rua e recebendo os clientes. Por ser muito preguiçoso e nunca fazer o que o patrão lhe manda, vive sendo alvo de gritos e reclamações

  • © Instagram

    Arlindo Lopes atualmente, 17 anos depois

  • © TV Globo

    Vera Campos Sodré (Maitê Proença) e Eduardo Campos Sodré (Ney Latorraca) são os pais de Bárbara (Giovanna Antonelli). Os dois, que não são mais casados, vivem disputando os trocados que sobraram da venda de objetos que esconderam dos credores quando faliram, além de brigarem pela mesada da filha. Caráter não é o forte de nenhum deles

  • © Instagram

    Maitê Proença atualmente, 17 anos depois

  • © Instagram

    Ney Latorraca atualmente, 17 anos depois

  • © TV Globo

    Moa Nascimento (Alinne Moraes) é uma surfista que veio do interior de Goiás para morar no Rio de Janeiro. Para conseguir se sustentar na capital carioca, trabalha desenhando pranchas e, sempre que pode, surfa. Conhece Thor (Cauã Reymond) e Dionísio (Pedro Neschling) na praia, mas não dá confiança para eles. Os dois se impressionam com o talento que a jovem mostra ter nas ondas

  • © Instagram

    Alinne Moraes atualmente, 17 anos depois

  • © TV Globo

    Sal (Thiago Martins) é um adolescente pobre e sonhador. Fugiu de casa quando era menino e nunca mais voltou. É engraxate na rua. Tem o maior jeito para o surf, mas não tem dinheiro para comprar uma prancha, seu maior sonho. Moa (Alinne Moraes) compadece-se dele e o emprega como seu ajudante

  • © Instagram

    Thiago Martins atualmente, 17 anos depois

  • © TV Globo

    Dona Lita (Solange Couto) é mãe de Preta (Taís Araújo). A veterana está sempre de bom humor e não se deixa abater nem pela doença – sofre de leucemia –, nem pelas dificuldades financeiras que sempre teve de enfrentar para sobreviver e criar sua filha única. É excelente cozinheira e sabe tudo sobre ervas medicinais. Quando Paco (Reynaldo Gianecchini) morre, ajuda Preta a criar o neto, Raí (Sérgio Malheiros).

  • © Instagram

    Solange Couto atualmente, 17 anos depois

  • © TV Globo

    Dodô (Jonathan Haagensen) é namorado de Preta (Taís Araújo) no começo da novela e vocalista de uma banda de reggae em São Luís, no Maranhão. Por mágoa da moça, que não quer mais nada com ele, e pressionado por Bárbara (Giovanna Antonelli), Dodô aceita fazer parte de um plano para separar Preta de Paco (Reynaldo Gianecchini)

  • © Instagram

    Jonathan Haagensen atualmente, 17 anos depois

  • © TV Globo

    Felipe Garcia (Rocco Pitanga) é o grande amigo de Paco (Reynaldo Gianecchini) e o braço-direito de Afonso (Lima Duarte) no Grupo Lambertini. É um talento para os negócios e trabalha na empresa desde a adolescência. O rapaz se envolve com Preta (Taís Araújo) enquanto Paco (Reynaldo Gianecchini) está desaparecido

  • © Facebook

    Rocco Pitanga atualmente, 17 anos depois

  • © TV Globo

    Kaíke Oliveira (Tuca Andrada) é amante de Bárbara (Giovanna Antonelli), por quem é completamente apaixonado. Por ela, é capaz de tudo, até de ser cúmplice em suas tramas mais terríveis, como destruir o relacionamento de Paco (Reynaldo Gianecchini) e Preta (Taís Araújo) e fingir que não é pai de Otávio (Felipe Latgé)

  • © Instagram

    Tuca Andrada atualmente, 17 anos depois





Close sidebar