Lyris e Rael são presos por roubo em “A Dona do Pedaço”


© Divulgação/TV Globo


Rael (Rafael Queiroz) foi até a mansão de Josiane (Agatha Moreira) e subtraiu de lá um quadro valioso para tirar proveito. A blogueira assistiu a tudo sem dizer nada, pois sabe que o primo a tem na palma da mão.

VOCÊ VIU? Está ficando sério! Grazi Massafera conhece mãe de Caio Castro

Anitta tentou por 3 dias terminar com Scooby antes do fim oficial

Amiguinhos do príncipe George são investigados na Inglaterra

Fontenelle manda indireta e fãs dizem ser para Eduardo Costa

Louco para enriquecer, o rapaz pede a ajuda de Lyris (Deborah Evelyn) para vender a nova aquisição.

A dupla se encontra com uma galerista, que pergunta a Rael se ele tem o recibo de compra do quadro.

“Eu ganhei. É minha sim. Vale alguma coisa?”, desconversa o malandro.

A profissional desconfia e se afasta para ligar para a polícia: “Alô? Polícia. Estão querendo me vender um quadro roubado. Sim, sim… eu dou um jeito deles esperarem”.

Não demora muito e os dois são levados direto para a delegacia. Nervosa com o ocorrido, Lyris pede a ajuda de Agno (Malvino Salvador). O executivo pergunta a Rael como ele conseguiu o objeto.

“Peguei da parede da casa da Jô. E levei pra vender”, responde Rael, na cara de pau.

“Você me disse que era seu”, revolta-se Lyris.

“Peguei, é meu. A Jô é minha prima”, conta Rael.

Agno aciona Amadeu (Marcos Palmeira), que fica surpreso com o envolvimento de Josiane na história: “A proprietária da obra é minha filha. Vou ligar para ela. Tudo vai se resolver”.

Por telefone, Jô revela ao pai que não quis dar queixa pelo que Rael fez e revela que não quer nada com a polícia.

Isso, é claro, é o suficiente para deixar Amadeu bastante desconfiado. O advogado coloca o sobrinho contra a parede para tentar descobrir a verdade.

“A Josiane não ia dar aquele quadro pra você à toa. O que você fez? Você fez alguma coisa que ela pediu. O quadro foi pagamento. Ou pior, você fez chantagem com ela”, sugere.



Close sidebar