Maria F. Cândido sobre cena de surra em Irene: “Ela é má”


  • © Divulgação/TV Globo
  • © TV Globo
  • © Divulgação/TV Globo
  • © Divulgação/TV Globo
  • © TV Globo
  • © Divulgação/TV Globo
  • © ivana,carol duarte,a forca do querer,tv globo


Durante participação no “Vídeo Show”, da TV Globo, desta terça-feira (25), Maria Fernanda Cândido comentou a respeito da aclamada cena da surra em Irene (Débora Falabella), que foi ao ar na última segunda-feira (24), em “A Força do Querer” – trama das 21h da emissora.

VOCÊ VIU? Fábio Jr. contesta luxos de ex e quer reduzir pensão

Maria Ribeiro não reconhece apresentador da Globo: “Quem é?”

Filho defende Raul Gil de polêmica sobre racismo

Internet vai à loucura com surra de Irene em novela

“Não dá para defender a Irene. O compromissado, o casado, era o Eugênio (Dan Stulbach). Ele traiu a mulher, errou feio, mas a Irene é uma mulher má, armou isso tudo”, avaliou.

E continuou: “A Irente não tem desculpa, fez tudo muito consciente. Ela manipulou os dois, estava comandando esse jogo”.

Já questionada sobre Ruy (Fiuk), seu filho na ficção – que também traiu Cibele (Bruna Linzmeyer), sua então noiva, com Ritinha (Isis Valverde) -, a ‘mãe’ fez questão de defender: “A traição dele não durou um ano e meio, dois anos, como a do Eugênio. Ele teve de optar, mas optou pela Ritinha”.

Vale lembrar que a sequência da surra fez muito sucesso na web e ficou nos TT’s – tópicos mais comentados do Twitter.



Close sidebar