“A Regra do Jogo”: Zé Maria confessa ser assassino da chacina de Seropédica




Chegou a hora da verdade! Romero (Alexandre Nero) é chamado às pressas para uma reunião da facção na casa de Orlando (Du Moscovis) e dá de cara com ninguém menos que Zé Maria (Tony Ramos).

Tio (Jackson Antunes) explica que o pai de Juliano (Cauã Reymond) nunca deixou a organização criminosa, só estava de resguardo, mas que agora vai voltar à ativa.

Revoltado, Romero esbraveja contra eles. “Vocês perderam a noção! Ele é louco! O Zé Maria matou à queima roupa todo mundo naquele ônibus, lá em Seropédica!”, diz relembrando o crime horroroso que marcou os jornais da época.

Sem titubear, o fugitivo é direto e confessa o crime de maneira fria: “A missão era essa. Eu só cumpri ordens, Romero”.

Parece que ele conseguiu enganar direitinho todo mundo, hein?



Close sidebar