“Escrava Mãe”: Teresa perde bebê na hora do parto


© Record


Petúnia está nervosa diante de Maria Isabel, que sente muitas dores e vai buscar ajuda. A cigana se aproxima delas para ajudar. Teresa está no chão e se contorce de dor e Dr. Pacheco tenta acalmá-la. Juliana vai até Irani pedir que ajude Teresa. Irani percebe a gravidade, porém nega a ajuda, mas é convencida por Belezinha e Nestor a socorrer Teresa. Genésio vai até Quintiliano para saber quanto custa sua liberdade.





Após muito esforço de Teresa, Irani percebe que bebê não sobreviveu. Maria Isabel é levada a um quarto sujo e depois de muito esforço o bebê nasce. Petúnia se emociona e diz que é uma menina. A cigana conduz a criança para Maria Isabel que nega pegar no colo. Petúnia pega a criança e a abraça enquanto Maria Isabel permanece fria, exausta.

Irani vem de dentro do quarto com o Dr. Pacheco. Beatrice, Almeida e Juliana aguardam na expectativa. Dr. Pacheco diz a todos que Teresa perdeu o bebê e todos ficam chocados. Teresa chora e é amparada por Beatrice. Almeida tem um ataque de fúria e quebra tudo a sua volta e Urraca entra, assustada. Almeida culpa Urraca por tê-lo obrigado a se casar com uma mulher defeituosa. Maria Isabel dá de mamar para o bebê, contrariada. Dália pergunta a Rosalinda se Violeta é sua filha, Rosalinda fica nervosa e Átila quer saber se é verdade, uma vez que ela não deixa Violeta se tornar umas das florzinhas da pensão. Rosalinda nega e diz que todas são como filhas e elas fazem as pazes novamente.






Close sidebar